BAIXE NOSSOS APLICATIVOS

SIGA A ESTUDIO 1 FM:

BAIXE NOSSOS APLICATIVOS

FALE COM A ESTÚDIO

(16) 99372-8249

(16) 3706-3232

Sertanejo Conrado passa por cirurgia após acidente que matou Aleksandro

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Conrado, passou por mais uma cirurgia após o acidente de ônibus que ocorreu último dia 7 e deixou onze feridos e seis mortos, incluindo a dupla sertaneja do artista, Aleksandro. Nove dias após o ocorrido, o sobrevivente teve que realizar uma cirurgia complementar para fixação de quadril e segue internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional de Registro, no interior de São Paulo.

“O paciente João Vitor Moreira Soares realizou hoje (16/5), no período da manhã, cirurgia complementar para fixação de quadril que transcorreu sem intercorrências. Após a realização do procedimento, foi encaminhado para a Unidade de Terapia Intensiva, onde segue estável clinicamente”, declarou o boletim médico divulgado pela assessoria da dupla famosa.

Além disso, o comunicado atualizou o estado de saúde do também músico Júlio Cesar Bigoli Lopes, que se encontra internado no mesmo hospital do cantor. “O paciente Júlio Cesar Bigoli Lopes segue com quadro febril e em diminuição progressiva da sedação. Não necessitou de procedimentos cirúrgicos nas últimas 24 horas. Segue internado na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Regional de Registro, em estado grave”, afirmou o boletim.

PERGUNTA POR ALEKSANDRO


Dias após a morte de Aleksandro, Conrado acordou depois de ser internado em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no Hospital Regional de Registro, localizado no interior de São Paul, e soube que o parceiro de palco já não estava mais vivo. De acordo com o portal G1, Airton Correia, pai da vítima, afirmou que a equipe se preparava para dar a notícia triste ao artista, quando ele mesmo declarou que já sabia da morte do amigo.

“O Aleksandro morreu, não morreu?”, perguntou o sertanejo. Ainda de acordo com o site, esta foi uma das primeiras frases faladas por Conrado ao acordar e, após ter recebido a resposta afirmativa, a tristeza foi instantânea. O pai o artista ainda disse que, sem conseguir segurar o choro, o cantor lamentou a morte do amigo, com quem dividia os holofotes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.