BAIXE NOSSOS APLICATIVOS

SIGA A ESTUDIO 1 FM:

BAIXE NOSSOS APLICATIVOS

FALE COM A ESTÚDIO

(16) 99372-8249

(16) 3706-3232

Simone e Simaria, Marília Mendonça, Paula Fernandes… Veja as mulheres que cantam sertanejo e mostram que este estilo musical também é para elas!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Quando o assunto é mulheres no sertanejo é impossível não pensar na dupla Simone e Simaria, que faz o maior sucesso! Também conhecidas como As Coleguinhas, a carreira delas como dupla começou em 2012, e entre seus maiores sucessos destacam-se Meu Violão e o Nosso Cachorro, Loka e Regime Fechado. O Dia do Sertanejo comemora-se no dia 3 de mao, e nada melhor para comemorar a data do que uma galeria com mulheres que arrasam e mostram que este estilo musical também é para elas, né? Então confira a seguir!

Marília Mendonça começou a compor quando tinha cerca de 12 anos de idade, mas estreou oficialmente como cantora aos 20 anos. Suas canções já lideraram diversas listas de mais ouvidas no Brasil e ficando no top 15 de mais ouvidas no mundo! Além disso, o vídeo da música Infiel chegou a ser o segundo mais assistido do YouTube em 2017, ficando apenas atrás de Ai Se Eu Te Pego, do sertanejo Michel Teló. Infelizmente, em 2021 a cantora acabou morrendo após um acidente aéreo!

As Irmãs Galvão também representam as mulheres no sertanejo há muitos anos! Nascidas no interior de São Paulo, Meire e Marilene Galvão se tornaram uma dupla em 1947 e desde então lançaram mais de 25 discos e ganharam importantes prêmios como o Grammy Latino e o Diploma de Honra ao Mérito pela Ordem dos Músicos do Brasil.

É fato que o sucesso das duplas sertanejas femininas é um fenômeno relativamente recente, mas não é de hoje que as mulheres estão presentes neste cenário. Inezita Barroso é um dos maiores nomes da música caipira, além de ter sido estudiosa do folclore. Mas ela ficou conhecida mesmo por apresentar o programa Viola, Minha Viola na TV Cultura e morreu em 2015, aos 90 anos de idade.

Paula Fernandes cresceu em uma fazenda no interior de Minas Gerais e já aos dez anos de idade lançou seu primeiro álbum! Suas músicas já fizeram parte das trilhas sonoras de novelas da Rede Globo como América, Paraíso e Escrito nas Estrelas. Além disso, Paula já cantou em parceria com diversos cantores internacionais, dentre eles Taylor Swift, Juanes e Michael Bolton

Quem nunca ouviu o hit 50 reais? No clipe da canção, Naiara Azevedo diz que a história contada foi vivida por ela em um relacionamento antigo. Muitas mulheres começaram a se identificar com as letras de suas músicas e gostaram da imagem de mulher empoderada que ela passa. Naiara ganhou até um slogan de seus fãs, que começou posteriormente a usar para divulgar seu trabalho: Naiara Azevedo, defendendo a mulherada.

Maiara e Maraisa, que inclusive fizeram participação especial na canção 50 reais de Naiara Azevedo, já receberam diversos comentários preconceituosos no início da carreira, dizendo que uma dupla feminina não teria chance alguma de fazer sucesso. As duas chegaram a cantar pop por um período porque, segundo seu produtor da época, era o estilo dominante do mercado, mas anos depois se assumiram como dupla sertaneja e insistiram neste sonho. Em 2015, conseguiram gravar seu primeiro DVD, que contou com as participações de Jorge e Mateus, Cristiano Araújo, Bruno e Marrone e Marília Mendonça. Com este lançamento, vários sucessos se destacaram e a dupla começou a ficar conhecida por todo o país!

Thaeme Mariôto ficou conhecida por ter ganhado a segunda temporada do reality Ídolos Brasil. Pouco tempo depois de sua vitória, ela lançou dois discos, fez diversos shows, mas acabou optando por, anos depois, se juntar a José Lazaro Servo e os dois se tornaram a dupla Thaeme e Thiago, e lançaram dois discos. Em 2013 José Lazaro deixou a dupla, tendo sido substituído por Guilherme Bertoldo. O nome Thaeme e Thiago se manteve o mesmo, e juntos eles lançaram mais produções.

Suely Brito de Miranda, conhecida como Sula Miranda, começou sua carreira ao lado de Yara e Gretchen, suas irmãs no grupo As Mirandas, mas seu auge artístico foi quando seguiu para o sertanejo, nos anos 80. Sabendo que o público gostava de canções falando sobre peões de boiadeiro e caminhoneiros, Sula decidiu que também cantaria sobre esses assuntos e lançou a música Caminhoneiro do Amor. As vendas foram tão altas que a renderam um Disco de Ouro e ela ainda recebeu o título de Rainha dos Caminhoneiros!

Quem é fã do dedilhado, muito provavelmente já ouviu falar no nome Bruna Viola. A artista entrou para o mundo da música caipira com apenas 11 anos de idade, já teve uma participação especial em O Outro Lado do Paraíso e em 2017, com 24 anos de idade, levou o troféu de Melhor Álbum de Músicas de Raízes Brasileiras com Melodias do Sertão no Grammy Latino.

Impossível não pensar em Roberta Miranda quando se trata de mulheres no sertanejo! Roberta é uma das cantoras com maior número de vendas de discos no Brasil e entre suas músicas estão os clássicos A Majestade e o Sabiá, Vá Com Deus e Sol da Minha Vida.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.